Defina estratégias comerciais e acompanhe a execução com os novos indicadores do Mercos

Defina estratégias comerciais e acompanhe a execução com os novos indicadores do Mercos

Se você é usuário do Mercos, provavelmente, já se deparou com o nosso painel de indicadores. É através dele que disponibilizamos números da sua operação comercial para te ajudar a acompanhar a execução das estratégias comerciais como, por exemplo, o indicador de  situação da carteira de clientes, que apresenta de maneira rápida a saúde da carteira de clientes. Outro exemplo é o indicador curva ABC, que monitora os pontos de concentração de receita e serve de apoio na formação de metas e análises da empresa. 

As conversas com nossos clientes no dia-a-dia nos mostram na prática como é feito o verdadeiro planejamento e acompanhamento das estratégias comerciais. Aprendemos que o sucesso de uma equipe comercial é consequência de uma estratégia bem definida e do uso de indicadores, que sinalizam o desempenho da equipe e projetam se os objetivos serão conquistados.

Nos dedicamos em trazer para o Mercos o acompanhamento das estratégias comerciais, através de novos indicadores, que te permitem definir metas que vão além de valor vendido. O objetivo é entregar indicadores personalizáveis com o seu modelo de negócio. Por isso, disponibilizamos, a partir de hoje, o novo painel de indicadores do Mercos 📊.

Vantagens de uso dos novos indicadores

Para construir o novo recurso, nos últimos três meses, conversamos com mais de 30 gestores dos mais variados segmentos e aprendemos que, para ter sucesso com o uso dos indicadores na execução da estratégia comercial, você tem que se preocupar com três pontos principais. E foram nestes pontos que nos baseamos para criar os novos indicadores:

1. É parte da rotina diária
Vimos que clientes que possuem uma gestão comercial eficaz, monitoram o resultado diariamente e buscam soluções dentro do mês. Eles não esperam o mês acabar para buscar entender o que aconteceu.

Equipes comerciais de sucesso consertam o avião em pleno voo”.

Pensando nisso, os indicadores sinalizam para você, diariamente, o quanto é esperado em valor vendido, faturado ou em clientes positivados. Por exemplo: se o objetivo é positivar 30 clientes no mês, e você está no dia 15, o indicador lhe mostrará que você deveria ter positivado 15 clientes até então.

2. Acesso para o vendedor

Demonstrar transparência para o vendedor sobre quais são as atividades que levarão a equipe atingir os resultados não é apenas uma boa prática, é a única forma de atingir os resultados. Se você estabelece um objetivo para seu vendedor, ele deve conseguir acompanhar diariamente como está seu desempenho. Vimos que essa prática traz maior engajamento com a meta do que enviar um e-mail no final do mês questionando seu resultado.

Pra deixar o acompanhamento dos indicadores de forma colaborativa disponibilizamos, a partir de agora, o acesso aos indicadores pelos aplicativos Android e iOS.

3. Pensado para cada operação

Construir uma solução que se encaixe em diversos segmentos é um grande desafio. Afinal, cada negócio tem suas próprias características. O mesmo vale para a estratégia, afinal, não existe um conjunto mágico de indicadores que funcione para qualquer negócio. Quanto a sua estratégia muda, os indicadores também devem mudar.

Agora, para cada novo indicador disponibilizamos uma série de filtros que permitem ajustar o indicador de acordo com as particularidades do seu negócio como, por exemplo, criar um indicador para acompanhar a positivação de 50 SKUs diferentes do mix, especificamente, da linha Inverno 2020 para clientes do segmento varejo, da carteira do vendedor Roberto.

Os novos indicadores foram construídos para que se encaixe de acordo com suas estratégias comerciais. As conversas do dia-a-dia com nossos clientes servem de base para entendermos como podemos ajudar na conquista de seus objetivos que é vender mais e melhor. Notamos que existem ações em comum para atingir esse objetivo, como por exemplo:

  • Vender para novos clientes (novas praças);
  • Positivar clientes inativos antigos da carteira;
  • Aumentar o valor vendido de uma linha/categoria/produto/segmento específico;
  • Incentivar a venda de uma nova coleção;
  • Fazer com que o cliente compre produtos diferentes do meu mix.

A partir destas ações buscamos entender: Em qual momento o cliente coloca em prática cada uma delas? Por isso, classificamos os novos indicadores em três estratégias: Aquisição, Fidelização e Expansão.

Nos próximos posts daremos mais detalhes sobre as estratégias Aquisição, Fidelização e Expansão e os indicadores disponíveis em cada uma delas.

  • Indicadores de Aquisição permitem o acompanhamento da entrada de novos clientes; 
  • Indicadores de Fidelização ajudam a monitorar se a carteira de clientes atual compra na frequência correta;
  • Indicadores de Expansão ajudam no acompanhamento do mix vendido para a carteira de clientes.

Os novos indicadores estão disponíveis nos planos Ouro e Prata, em contas de Indústria e nos planos Intermediário e Corporativo, para contas de Representante.

E aí, gostou da novidade? 

Guilherme Panizzon

Faço parte do time de produto da Mercos. Nosso objetivo é potencializar o processo de vendas entre os representantes comerciais, fornecedores e clientes, trazendo agilidade e organização a todos eles.
Guilherme Panizzon